Os europeus já inventaram muitas definições do que é aconchegante. A Dinamarca inventou a palavra “hygge”, que significa o “aconchego ao relaxar com bons amigos”. A Alemanha, a Áustria e a Suíça têm a palavra”gemütlich”, o que se traduz em “confortavelmente caseiro”. E a Bulgária tem a “уют”,  que significa “confortável”.

Não é a toa que inventaram tantas definições, já que o inverno Europeu pede um aconchego e conforto. Por isso, é preciso saber bem para onde ir para curtir ao máximo todo este conforto, em destinos maravilhosos, com hotéis cheios de mimos e atividades.

Leia Mais:

Seguro Viagem Europa: O que você PRECISA saber antes de contratar

Vale a pena contratar um seguro viagem internacional? 

Confira os destinos que precisam estar em seu roteiro no inverno Europeu:

Dolomitas, Itália

As Dolomitas, ao nordeste da Itália, fazem parte de uma cordilheira dos Alpes Suiços. As vistas por lá são maravilhosas e as pistas de esqui excelentes. A maioria dos visitante que visitam a região ficam em um hotel tradicional no Vale do Badia. Porém, o Adler Mountain Lodge atrai mais esquiadores para a região Alpe di Siusi, menos conhecida, a oeste .Ao redor da propriedade estão mais de 220 quilômetros de trilhas para caminhadas e esqui cross country.

Flickr: mar

Vals, Suíça

Essa vila charmosa da Suiça não é só focada no esqui. O ponto forte daqui é curtir o vilarejo ou hotéis maravilhosos que ficam por lá. Um dos mais incríveis da cidade é o hotel 7132. Recém inaugurado, o hotel é um verdadeiro oásis de design nos Alpes Suiços. Se você conseguir ficar por lá, não vai querer mais sair. Dá pra entender o por que nas fotos. Uma ótima dica também é caminhar 45 minutos entre estradas rodeadas por fazendas até o Restaurante Ganni para comer um verdadeiro fondue suiço. O restaurante fica em um lodge incrível do século 18.

Flickr: Mariano Mantel

Courchevel, França

Courchevel é uma das estações de esqui mais famosas da França. Ela é a maior área de esqui interligável do mundo. Dá pra imaginar como o inverno não é concorrido por lá. O centro da cidade é coberto por lojas de luxos e a padaria Maison Braissand é uma parada indispensável para provar o pain au chocolat. O fundador da LVMH, grupo da Louis Vitton, abriu o hotel de luxo Cheval Blanc Courchevel, em um dos CEPs mais glamurosos da cidade.

Flickr: Mickey Bolen

Bouillon, Bélgica

Essa cidade medieval que fica a beira do Rio Semois tem se tornado muito popular entre pessoas que adoram a natureza. Faça uma caminhada até a colina do Castelo do Bouillon, do século 13, armado com deleites das abundantes padarias locais e lojas de chocolate. Para se hospedar, fique no Hotel La Ferronnière. A mansão que parece retirada de séries do século 19, fica rodeada de jardins maravilhosas. Além disso, é conhecida pela gastronomia incrível. Os donos da propriedade ainda fizeram um centro de bem-estar, com saunas e jacuzzis, além de suites com terraços e vista para a floresta.

Flickr: Mxgirl2017

E você? Gostou das opções de viagens para o inverno europeu? Comente aqui!

Fonte: Travel + Leisure